Coluna Clio

Extensão do Jornal Delfos-CE: http://jornaldelfos.blogspot.com.br/
Clio é a musa da História na Mitologia grega.

sexta-feira, 1 de maio de 2015

BAKLIMET, A FERA


BAKLIMET, A FERA


Deusa Baklimet, cobra demônio Apófis, olho de Hórus, asas de Ísis, antu de Nefertári, escaravelho de Rá (que tinha 5 nomes: Amón [ou Amém], Rá [ou Hã], Krepi [ou Kefri], Atón [ou Átan] e um quinto nome proibido que somente Ísis e o próprio Rá sabe, pois ela criou uma cobra que o mordeu e só o curou do veneno caso ele lhe contasse o nome secreto que um dia ela pronunciaria para roubar-lhe todo o poder e passá-lo para Hórus; daí temos duas coisas que passaram para o cristianismo: 1-A palavra amém [que significa Amón] e a cobra como sendo Lilith, fora essa cobra ainda existe a cobra demônio Apófis com a qual todos os deuses unidos tiveram que lutar para não serem todos devorados. Além de gerar a Lilith cristã [que também é imitação da Lilith celta e da medusa grega] ainda gerou a Medusa grega [rainha da górgonas; amaldiçoada pela deusa do amor, Afrodite])

O Antu de Nefertári [a mais bela de todas] como representa imortalidade, foi a fonte para a criação da cruz cristã e também da letra grega "tau", da qual foi criada o nosso "t", que também é usado como símbolo do santo Francisco de Assis das Chagas.

O Olho de Hórus gerou o olho do deus grego Apolo e depois do deus cristão de vários nomes que mais tarde adotou o próprio nome "deus". É ridículo ter um deus chamado Deus e mais ridículo ainda é ter um demônio chamado Demônio. É como haver uma mulher chamada Mulher e um homem chamado Homem. Já esse nome Deus vem do nome Dion [Zeus] que gerou o nome Diana, Dioniso, Dionísio, Dia, Diógenes, Din, Jhonatan, Dio, Diós, Jean [qualquer ser exotérico benigno árabe], Jeane, Jeanie, Jon [pronunciado também Dion], Joana, Jordana, Jordan, Jó, João, Joana, Juan, Iohão, Iohana, Ioan, etc. Inclusive a letra "j" é uma variante da letra "i", assim como as letras "u" e "w" são variantes da letra "v" daí pode ser pronunciado "Dion" ou "Jon". Já o nome Jesus e José parecem vir do nome Joseph, um médico egípcio que virou deus com o tempo por curar um dos faraós. Jesus deve ser o nome Ísis + Joseph = Jisis. Em uma variante romana daria Iísis, uma vez que não existia a letra "j", mais tarde Iesis, depois Iesvs [ ainda é escrito assim na Igreja no Vaticano], depois Jísis e Jesis, e só mais tarde Jesus.

O nome Hórus gerou Hérus, assim como o nome Ísis gerou Íris (deusa grega do arco-íris), e as asas de Hórus também e de Ísis foram também inspiração para todos os outros deuses alados, assim como também para as 9 classes de anjos do cristianismo, inclusive para o anjo São Miguel Arcanjo (imitação direta da deusa grega Nêmesis, a qual é uma imitação direta de Ísis, sendo que o "esis" é apenas uma simples derivação da palavra Ísis, assim como Jesus). As asas de Hórus e de Ísis também foram inspiração para os demais seres alados como pégasos [ veja que o "asos" nada mais é que uma derivação de Ísis, ainda com a variante pégasu e pégasus. Talvez a própria palavra asa venha também de Ísis]

Já a deusa Baklimet vira uma leoa a pedido de Rá e sai comendo a humanidade inteira, isso é a tal "fera" que está traduzida para o Português na forma tautológica "besta-fera", sendo que fera e besta têm o mesmo significado.

01/05/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário